Você sabe o que é Tráfego Pago?

Pai da Júlia e do Pedro. Especialista em Marketing Digital, com MBA em e-Business pela FGV. Formado em Administração de Empresas pelo IBMEC. Empreteco.
20/05/2021
PPC - Links Patrocinados

Você sabe o que é Tráfego Pago? Este é um dos principais conceitos ligados ao marketing digital e uma das mais conhecidas e usadas técnicas para a geração de leads e crescimento de prospects. No entanto, existem muitas variáveis que englobam o Tráfego Pago, além de muitas questões importantes a serem levantadas para o melhor resultado dessa técnica.

Por isso, neste artigo, a gente vai te explicar tudo sobre o que é Tráfego Pago e quais são suas diferenças quanto ao Tráfego Orgânico. Entender bem as diferenças entre os conceitos é fundamental para elaborar um planejamento condizente para cada um deles.

Quer entender mais sobre o assunto? Então não se preocupe! Dê uma olhada no nosso artigo e entenda mais sobre o que é Tráfego Pago e todas as questões envolvendo esta técnica de marketing digital. Confira.

O que é Tráfego Pago?

Fonte: Freepik

O que é Tráfego Pago?

O Tráfego Pago pode ser entendido como uma forma de conseguir cliques e visualizações investindo seu dinheiro em anúncios na Internet. Neste sentido, você paga quando o seu conteúdo criado tem um determinado número de cliques de acordo com o objetivo da sua campanha de Tráfego. Em outras palavras, é como se fosse um dinheiro investido para a publicidade de determinado conteúdo da sua marca.

Um dos principais modelos de gestão de Tráfego Pago é o famoso Pay per Click (traduzindo, Pague por Clique). Neste modelo de gestão de tráfego, você só paga de acordo com os cliques que determinado anúncio conseguiu captar, gerando maior assertividade com relação ao dinheiro investido. Ou seja, você investe dinheiro apenas no que te gera, realmente, visualização.

Neste caso, é importante ter em mente qual é o segmento que sua marca atua para, assim, identificar o público-alvo que você quer se comunicar. A partir disso, é possível determinar estratégias de gestão de Tráfego Pago para poder investir seu dinheiro em anúncios com maior assertividade.

Agência de Gestão de Campanhas de Links Patrocinados

Quais são as principais plataformas de Tráfego Pago?

Quando você vai investir em um determinado anúncio, também é importante entender onde encontrar o seu público-alvo. Isso porque, existem diferentes plataformas de Tráfego Pago, cada uma com suas características diferentes e que fazem uso de diferentes sites. Por isso, é importante entender sobre as métricas de cada uma e quais são as principais.

Podemos citar aqui algumas dessas plataformas, que são: Google Ads, Youtube Ads, Uol Clicks e Bing Ads. Essas plataformas também são importantes variações de lugares onde o seu anúncio será veiculado. Além disso, os anúncios serão de diferentes formatos de acordo com cada plataforma.

Dessa maneira, é importante, ainda, que os valores vão variando de acordo com o alcance de cada plataforma. Mesmo assim, como já mencionado anteriormente, o PPC apenas será cobrado de você quando alguém clicar no seu anúncio. Lembrando, também, que o sucesso da sua campanha dependerá das palavras-chave que você escolher.

Entenda o que é PPC

Fonte: Freepik

Afinal, o que é preciso para gerar Tráfego Pago?

Como já mencionamos, saber o que é Tráfego Pago já é o primeiro passo, pois não se pode dar início a uma técnica sem nem ao menos saber seu conceito e objetivo dentro do marketing digital. Além disso, é fundamental que você entenda o segmento em que atua e qual é o público-alvo dos seus anúncios.

No entanto, ainda tem alguns passos importantes para você, que quer iniciar sua caminhada no marketing digital, mas não sabe como começar a investir em Tráfego Pago. Por isso, a gente separou alguns tópicos importantes. Confira:

  • Antes de iniciar o projeto, é importante reservar um dinheiro fixo para investir nos anúncios;
  • Entenda quem é seu público-alvo, destacando qual é o seu perfil e quais características fazem com que este público compre ou contrate seu serviço;
  • Analise quais plataformas são ideais para você investir seus anúncios, ou seja, onde encontrar seu público;
  • Com esse dado levantado, você precisa criar a sua conta na plataforma de anúncios (exemplo: se for o Youtube, crie uma conta no Youtube Ads);
  • Levante dados e estude tudo sobre a plataforma e suas métricas, isso te ajudará a ser mais assertivo;
  • Configure sua conta de acordo com os seus dados e direcionamento dos anúncios e comece a esboçar suas primeiras campanhas e anúncios de teste.

A importância do gestor de tráfego para o marketing digital da sua marca

Antes mesmo de entender a importância do gestor de tráfego, você sabe qual é a principal função deste profissional cada vez mais indispensável em qualquer time de marketing digital? Na verdade, um gestor de tráfego é responsável por todo o acompanhamento de métricas e resultados das campanhas pagas de uma determinada empresa.

É muito comum que esta carreira seja muito requisitada, mas muitas empresas não entendem o real envolvimento do gestor de tráfego para o sucesso do marketing digital da própria empresa.

Para entender melhor a função deste profissional, basta pensar na seguinte situação: você começa a investir em anúncios nas redes sociais, mas este anúncios não estão dando resultados e você não entende o que está errado na elaboração deles. Neste caso, o gestor de tráfego poderia orientar melhor as ações do anúncio e levantar dados que ajudariam a interpretar os erros.

Como configurar o Google Ads

Fonte: Freepik

Diferença entre Tráfego Orgânico e Tráfego Pago

Como já explicamos ao longo do artigo, o Tráfego Pago pode ser considerado uma maneira mais rápida de conseguir cliques e visualizações, mas demanda um investimento maior da empresa na geração dos anúncios e na contratação de profissionais para acompanhar esses anúncios.

No entanto, também temos uma outra modalidade para gerir tráfegos que é a do Tráfego Orgânico. Ela se estende para técnicas orgânicas com o objetivo de captar leads. Ao invés de pagar para destacar anúncios em busca de visualizações nos conteúdos, o Tráfego Orgânico faz uso de técnicas internas no site para gerar este tráfego. A principal delas? O SEO.

Para entender melhor, trabalhar a otimização do seu site e do conteúdo por meio das técnicas de SEO faz com que este conteúdo fique bem colocado no grupo e, assim, gera mais cliques. Isso tudo sem precisar investir em anúncio. Ou seja, de maneira orgânica. Vale destacar que este trabalho leva tempo e deve ser realizado diariamente.

Agência de Gestão de Campanhas de Links Patrocinados

Invista em tráfego com uma agência especializada

Agora que você já sabe o que é Tráfego Pago, a melhor forma para gerir ações de Tráfego Pago e Orgânico é contando com a ajuda de uma agência de gerenciamento de anúncios PPC, como a Agência IMMA. Quer saber mais sobre nossos serviços? Entre em contato conosco e faça seu orçamento.

Veja também