Diferenças entre e-commerce e marketplace

Pai da Júlia e do Pedro. Especialista em Marketing Digital, com MBA em e-Business pela FGV. Formado em Administração de Empresas pelo IBMEC. Empreteco.
05/07/2022
Lojas Virtuais

Você sabe quais sãos as diferenças entre e-commerce e marketplace? A internet abriu caminhos para uma ampla gama de novos modelos de negócios. Isso se deve à onipresença dos telefones celulares, ao aumento vertiginoso dos custos de operação das lojas físicas e à crescente demanda por stripmalls.

Dentro do universo dos negócios digitais existem o e-commerce e o marketplace. Apesar de muito confundidos, esses dois modelos referem-se a negócios diferentes. Para te ajudar a entender cada um deles, fizemos este artigo explicando a diferença entre e-commerce e marketplace. Acompanhe nosso conteúdo e saiba mais.

Diferenças entre e-commerce e marketplace

Fonte: freepik.

E-commerce

O e-commerce é uma loja online tradicional, onde as marcas vendem seus produtos aos clientes, cuidando de toda a logística. Nesse modelo, a negociação é direta entre a loja e o cliente. Outra característica desse modelo de negócio é que a marca só vende ao consumidor o que tem em estoque próprio e o que está em seu catálogo de produtos.

Marketplace

O marketplace, por sua vez, atua como uma espécie de vitrine virtual, onde diferentes lojas expõem e vendem seus produtos ou serviços, ofertando uma maior opção de itens. Resumidamente, é um serviço oferecido por uma marca para os que desejam ter uma plataforma em comum para disponibilizar seus produtos online.

Diferenças entre e-commerce e marketplace

Em um resumo, o e-commerce é uma loja online própria, exclusiva da marca, enquanto o marketplace funciona como um shopping virtual, onde várias marcas vendem seus produtos em um mesmo lugar. A seguir, listamos as diferenças entre elas.

Investimento

Iniciar um negócio requer um investimento, em grande parte, na forma de tempo e recursos. Dependendo da sua plataforma de e-commerce, você escolherá qual método de pagamento usar e outros aspectos. Você é então responsável por contratar e gerenciar sua própria equipe de e-commerce, bem como o trabalho de desenvolvimento relacionado. Ou seja, toda a preocupação com infraestrutura será sua.

Existe uma empresa de infraestrutura no marketplace que cuida do contrato, tempo de resposta, etc. Desde que você aceite os termos desse shopping virtual, você pode vender. Segurança, política de privacidade e prazos de entrega não estão em suas mãos neste momento. Dessa forma, em termos de e-commerce, o investimento inicial será muito maior porque tudo depende de você.

Agência de Gestão de Lojas Virtuais

Marketing

O marketing digital é uma ótima maneira de alcançar pessoas que, de outra forma, não conseguiriam encontrar sua empresa. Mas sem investir em marketing online você será esquecido.

Essa é uma das maiores diferenças entre e-commerce e marketplace. Se você já estiver familiarizado com o comércio eletrônico, entenderá suas oportunidades de marketing. Porque é tudo sobre você, suas decisões sobre onde comprar, quando comprar produtos para atingir seu público-alvo e alcançá-los no formato que faz mais sentido para a sua marca.

Já no marketplace, o marketing é feito pela própria plataforma. Ou seja, o marketing, a publicidade e a propaganda são voltados para promover a plataforma marketplace, e não sua loja.

Alcance

De todas as coisas necessárias para montar um negócio e-commerce, o marketing é uma prioridade. Vai ser difícil gerar vendas sem fazer do marketing seu foco. Porém, como mencionamos antes, todo o investimento fica por sua conta, e nem sempre há dinheiro disponível. E essa é uma das vantagens do marketplace, pois gera um grande tráfego de visitantes.

E-commerce e marketplace

Fonte: Envato

Pagamentos

Há muitas maneiras de acessar seu dinheiro nos dias de hoje. Alguns métodos, como cartões de débito automático, cartões de crédito e boletos bancários, já existem há algum tempo. Outros foram introduzidos mais recentemente: o uso de Bitcoin e carteiras digitais. Porém, para você implementar todas essas opções de pagamento em seu e-commerce, há um custo. E cada provedor de soluções cobrará uma taxa por isso.

Em contrapartida, no marketplace não há custos adicionais com formas de pagamento; somente a taxa administrativa cobrada pela plataforma como intermediador das negociações.

Segurança

Como empreendedores online, seus dados são um ativo que você terá de cuidar com cautela. Você precisará contratar os melhores serviços de segurança para que as informações pessoais de seus clientes permaneçam seguras.

No marketplace, essa preocupação deve ser colocada na empresa que administra a plataforma. Afinal, se ocorrer algum problema, são eles que se encontrarão em uma crise de reputação.

Agência de Gestão de Lojas Virtuais

Concorrência

O e-commerce é competitivo e pode demorar um pouco mais para entrar no mercado. No entanto, quando você entrar, seu público permanecerá fiel e você poderá nutrir seus leads e clientes com conteúdo que os mantenha engajados. 

Existem formas de se destacar da concorrência e fazer com que as pessoas vejam os diferenciais que seu e-commerce pode oferecer, como programas de fidelidade, entregas rápidas em determinadas localidades ou descontos. No marketplace, ter o seu produto no mesmo lugar que o do seu concorrente é inevitável. Para se destacar, será preciso caprichar nos descontos.

Risco financeiro

No mercado online, com tantas opções e concorrência, fica difícil saber como garantir o retorno do seu investimento. Para que valha a pena para você, algumas considerações práticas devem ser feitas primeiro. Se você investir em um negócio e-commerce, há maiores riscos de ver seus esforços mal recompensados.

Isso porque tudo fica por sua conta Portanto, se você investe uma determinada quantia e não consegue recuperar o investimento dentro do prazo de um ano, significa que você está trabalhando de graça. Esse risco é menor no marketplace, já que não exige tanto investimento e as taxas são cobradas sobre as vendas. Ou seja, se você não vende, você também não paga.

Quais são as diferenças entre e-commerce e marketplace

Fonte: Freepik

Afinal, devo investir em e-commerce ou marketplace?

A decisão de investir em e-commerce ou marketplace é difícil. Existem muitos pontos de vista diferentes sobre quais estratégias de vendas devem ser seguidas, mas é importante lembrar o que funciona bem para o seu negócio.

Invista na criação da sua loja virtual com a ajuda de uma agência de marketing digital

A Agência IMMA é uma agência de marketing digital especializada no desenvolvimento de lojas virtuais e marketing de conteúdo. Nosso foco é fornecer soluções para ajudar as empresas a se tornarem digitais.

Nossas lojas virtuais são projetadas pensando no usuário, levando em consideração suas necessidades e preferências. Também são otimizadas para mecanismos de pesquisa, o que as torna facilmente acessíveis online.

 

Veja também