6 razões para renovar o seu site de e-commerce

Ter uma loja de comércio eletrônico é um privilégio que pode ajudar a gerar um futuro glorioso para uma empresa se for bem projetada e executada. No entanto, é importante compreender que a tecnologia e o design mudam e, por isso, um site de comércio eletrônico também precisa estar em constante atualização. Conheça 6 razões para renovar o seu site de e-commerce.

6 razões para renovar o seu site de e-commerce

Fonte: Freepik.

É preciso entender que, para um site de e-commerce obter sucesso, é preciso mais que um visual glamouroso. Buscar por soluções compatíveis para melhorar a funcionalidade de sua loja virtual é muito importante. Se o seu site está cheio de imagens embaçadas, conteúdo monótono e falta de informações, é realmente válido cogitar realizar várias mudanças.

Veja 6 razões para renovar o seu site de e-commerce:

1. Seu site tem uma navegação complicada: a probabilidade dos clientes reclamarem sobre navegação em sua loja virtual é mínima. Eles simplesmente vão deixar para trás o carrinho de compras e abandonar seu site.

É importante ter uma navegação em camadas para diferentes categorias, para que seus clientes possam selecionar os itens que precisam comprar. Lembre-se sempre que uma navegação compreensível e fácil de usar ajuda a melhorar as vendas, gerando receita. Se o seu site não tem este aspecto, é melhor resolver o mais rápido possível.

2. Você escolheu a plataforma de comércio eletrônico errada: a plataforma em que sua loja virtual é construída pode ser sua pior inimiga às vezes. Se ela não fornecer a você possibilidades de personalização, atualizações, segurança e assistência técnica profissional, ela se tornará inútil com o passar do tempo.

Lembre-se que uma única escolha errada pode arruinar sua empresa e, se você está enfrentando problemas com a plataforma de e-commerce, provavelmente precisará mudar para outra melhor. Ter não só um belo visual, como também muita funcionalidade, é fundamental e pode ajudar a decidir qual plataforma de comércio eletrônico é boa para o seu negócio.

3. Seu site não exibe bem os produtos: imagens que levam tempo para carregar, são de má qualidade e têm aparência antiga podem revelar-se um enorme problema para sua loja virtual. Tente colocar-se no lugar dos visitantes e pergunte-se se você ficaria feliz em comprar produtos ou contratar serviços com base nas imagens exibidas atualmente.

Se a resposta for sim, então está tudo certo. Se for não, você pode querer substituir essas fotos pesadas e ultrapassadas por imagens de alta definição e que carreguem rápido. Cada um dos produtos também deve mencionar informações relevantes, incluindo tamanho, cor e outras características que são importantes para concretizar a venda. No e-commerce, todo detalhe conta.

Veja também  9 dicas para melhorar sua loja virtual

4. Seu site é lento: em 2009, o Google revelou os resultados de uma experiência conduzida por eles, em que ocorria o aumento do tempo de carregamento de suas páginas de pesquisa. Dessa forma, observou-se uma redução no número de consultas que uma pessoa normalmente faria. Um atraso de 400 milissegundos diminuiu o número de pesquisas em 0,44%.

Um relatório similar foi liberado pelo Google em 2016, dessa vez sobre dispositivos móveis. Segundo ele, sites móveis de e-commerce ainda não funcionam nada bem em relação a suas versões para desktop. Além disso, a Kissmetrics revelou que 79% dos clientes que não estão satisfeitos com o funcionamento do site são menos propensos a comprar na mesma plataforma novamente.

5. Seu site é difícil de atualizar: as empresas de hoje são bastante dinâmicas e, por isso, é preciso atualizar o site de comércio eletrônico de acordo com essas demandas, quer se trate de mudar o design de um banner ou uma funcionalidade que está desatualizada.

Ter uma plataforma de comércio eletrônico flexível faz toda a diferença. Se fazer essas pequenas alterações necessitar de um enorme esforço e ainda gastar muito tempo, o seu site provavelmente acabará desatualizado constantemente. Considere mudar para uma plataforma de comércio eletrônico mais funcional, para que você possa fazer mudanças sem problemas.

6. Seu site tem descrições falhas dos produtos: descrições de produtos são realmente muito importantes. Afinal, alguns usuários dão mais importância às imagens, porém outros gostam de saber minúcias sobre produtos e serviços. A descrição das características de uma smart Tv pode ser realmente mais atraente do que a imagem em si, por exemplo.

Por outro lado, os visitantes que optam por comprar um móvel tendem a mostrar mais interesse em verificar as imagens do que em ler as descrições do produto. Assim, você deve pesar a importância e compreensão de cada produto antes de colocá-lo no site, para que isso possa ser feito da melhor forma, proporcionando uma ótima experiência de compra para o usuário.

Veja também

9 dicas para melhorar sua loja virtual

9 dicas para melhorar sua loja virtual

By | Lojas Virtuais

Atualmente, é relativamente fácil ter uma loja virtual. O desafio real é mais em relação a atrair visitantes e convertê-los em clientes pagantes do que em montar a loja e colocá-la online. Por isso, confira essas 9 dicas para melhorar sua loja virtual.


Read More
Veja também  Dicas de marketing de conteúdo para e-commerce
7 práticas recomendadas para melhorar a experiência do usuário no e-commerce

7 práticas recomendadas para melhorar a experiência do usuário no e-commerce

By | Lojas Virtuais

Um dos maiores desafios do comércio eletrônico é a conversão de visitantes casuais em clientes pagantes. Se os clientes vão desejar pagar por seus produtos não depende só dos produtos em si, mas também da experiência proporcionada. Uma ótima experiência torna os produtos mais desejáveis. Veja 7 práticas recomendadas para melhorar a experiência do usuário no e-commerce.

Read More
3 formas que sites de e-commerce podem aumentar as vendas usando Pinterest

3 formas que sites de e-commerce podem aumentar as vendas usando Pinterest

By | Gestão de Mídias Sociais, Lojas Virtuais

Se você tem um site de e-commerce, saiba que o Pinterest é uma das redes sociais que precisam estar no seu arsenal de marketing. Segundo o Shopify, o Pinterest é a segunda maior fonte de tráfego para sites e o valor médio das vendas feitas através dele é de 50 dólares, maior do que qualquer outra rede social. Veja 3 formas que sites de e-commerce podem aumentar as vendas usando Pinterest.

Read More
Rodrigo Darzi

Sobre Rodrigo Darzi

Pai de 2 filhos. Especialista em Marketing Digital. MBA em e-Business pela FGV. Formado em Administração de Empresas pelo IBMEC. Empreteco.

E-book de Mídias Sociais
A Agência IMMA preparou um material exclusivo para você começar entender como funciona a gestão de mídias sociais e como utilizá-las.

Insira o seu e-mail para receber o nosso e-book
QUERO MEU E-BOOK