Mitos sobre SEO: veja quais são eles

SEO é, de longe, o tema mais falado, pesquisado e lido pelos empreendedores da web. E assim deve ser, pois o SEO é vital para qualquer negócio online. O que é intrigante, no entanto, é que existem tantos mitos e equívocos sobre o SEO rolando pela rede. Neste artigo, você vai conferir os 11 mitos sobre SEO mais comuns.

Mitos sobre SEO: veja quais são eles

Fonte: Freepik

Confira os 11 mitos sobre SEO existentes por aí

  1. SEO é uma fraude

Infelizmente, esse mito provavelmente passou a existir porque há várias empresas de SEO desonestas por aí. Elas criam sites de spam com links de seus clientes, levando a um rápido crescimento das páginas nos rankings e a um declínio igualmente veloz quando passam a ser consideradas spammers pelos mecanismos de busca.

No entanto, só porque existem empresas de SEO antiéticas, isso não significa que ele seja ilegítimo ou real. Para empresas que fazem esforços sinceros para aumentar o tráfego dos sites e melhorar a experiência do usuário, o SEO é um esforço contínuo que ajuda a vencer os concorrentes e a ficar bem classificado nos mecanismos de busca.

Esse mito está, provavelmente, enraizado na falsa ideia de que o SEO envolve ganhos rápidos e fáceis com pouco esforço, mas não é assim. Ele é um investimento contínuo e que vale a pena. Basta parar de cometer erros bobos e manter um trabalho de qualidade.

Veja quais são os mitos sobre SEO

Fonte: Freepik

  1. Reagir rapidamente às atualizações do algoritmo faz com que você tenha mais sucesso

Só o Google altera seu algoritmo de busca aproximadamente 500 vezes (!) por ano. As únicas atualizações com as quais você precisa se preocupar são as principais atualizações de algoritmo. Mesmo assim, quando isso acontece, o melhor é esperar para ver se o site foi afetado.

Não existe algoritmo de pesquisa perfeito, por isso eles vivem em constante atualização. Tente aguardar para reagir, ler fontes confiáveis sobre as mudanças e dedicar algum tempo para fazer ajustes, se necessário. Se for uma atualização que o mecanismo de pesquisa manterá, você logo saberá sobre as práticas recomendadas para ajustar suas páginas.

No entanto, o principal a se lembrar é que, no caso de uma atualização, ninguém ganha um prêmio por renovar seu site mais rapidamente. Esse é um dos principais mitos sobre SEO. Anote onde você está quando a atualização ocorrer e compare suas métricas depois de algumas semanas.

Mitos sobre SEO: saiba mais

Fonte: Freepik

  1. Se você otimizar para o Google estará coberto em todos os sites

É um erro pensar que você não precisa otimizar seu conteúdo para outros mecanismos de pesquisa se ele já estiver otimizado para o Google. A realidade é que o Google é, sim, o mecanismo de busca mais utilizado, mas existem outros crescendo e se destacando.

O Bing, por exemplo, não valoriza os backlinks tanto quanto o Google. Ao invés disso, ele compila as classificações com base no engajamento do usuário, nos sinais sociais, nas taxas de cliques, na autoridade da página e nos domínios de palavras-chave. É preciso otimizar levando em conta pelo menos os 3 principais mecanismos de pesquisa para alcançar uma boa exposição na web.

  1. HTTPS não é importante

Esse é um dos grandes mitos sobre SEO. No início de 2017, o volume médio mundial de tráfego de internet criptografado finalmente superou o volume médio de tráfego não criptografado, de acordo com o Mozilla. Isso significa que, quando você visita um site, é mais provável estar num ambiente HTTPS do que no antigo HTTP.

Além disso, o Google já informou que dará preferência aos sites HTTPS. Isso porque a criptografia em HTTPS oferece benefícios como confidencialidade, integridade e identidade. Também vale lembrar que usar o protocolo HTTPS é melhor do que não usar criptografia, tanto que sua implantação se tornou uma prioridade para várias empresas.

Não caia nos mitos sobre SEO

Fonte: Freepik

  1. Tags H1 aumentam as colocações nos rankings de busca

Tecnicamente, enquanto as tags H1 ajudam a tornar o conteúdo mais organizado para o leitor e facilitam para os desenvolvedores projetar um site, elas não contribuem diretamente para o SEO. O que mais importa, na verdade, é que sua página contenha informações relevantes e que atendam às necessidades de seus usuários.

Veja também  A importância do Link Building no SEO

Há alguns anos, as tags H1 costumavam ser um dos fatores mais críticos de SEO. Hoje, no entanto, elas são apenas uma parte das melhores práticas básicas e não uma fonte de diferenciação de SEO.

Tome cuidado com as mentiras sobre o SEO

Fonte: Freepik

  1. Link building é um black hat

Na verdade, o Google recompensa seu site por backlinks, sendo a única condição que eles estejam em fontes relevantes e confiáveis. Se você colocar seus links em sites duvidosos, que não são relacionados ao seu, que sejam fontes de spam ou com malware e outros scripts suspeitos, então pode esperar para ser penalizado por seu link building.

Quando você cria links de qualidade, não precisa se preocupar em ser penalizado. Muita gente ainda acredita que deixar comentários em blogs é uma técnica de black hat, mas isso só ocorre se eles tiverem um link que não agrega valor.

A dica é se perguntar se você está agregando valor toda vez que deixa um comentário num blog ou adiciona um link a um artigo. Se estiver, não há com o que se preocupar em relação a isso, que é um dos mitos sobre SEO.

Mitos sobre SEO: Link building é um black hat

Fonte: Freepik

  1. O conteúdo é rei

Embora a publicação de conteúdo relevante e bem pesquisado seja excelente, isso não o levará ao topo do Google sozinho. O conteúdo é um dos muitos aspectos do SEO que faz toda a diferença e não deve ser esquecido. Porém, sozinho, o conteúdo em si não faz muito por um site.

Se o seu site não estiver otimizado como um todo, os mecanismos de busca irão demorar para encontrar seu conteúdo. Isso significa que ele não será exibido nos resultados. É preciso cuidar da experiência do usuário de forma geral. Portanto, esteja atento aos mitos sobre SEO.

  1. A localização da hospedagem é importante

Embora seja melhor hospedar seu site num servidor local, isso não é algo fundamental. O Google é inteligente o suficiente para mostrar seu site para o público certo. Se você ainda não usa um domínio de primeiro nível com código de país, pode usar a configuração de segmentação geográfica do Google Webmaster Tools.

SEO é essencial para colocar seu site no topo das buscas

Fonte: Freepik

  1. Ter um sitemap XML aumentará seus rankings de pesquisa

Um sitemap não afeta as classificações de suas páginas da Web, embora as torne mais rastreáveis por fornecer informações sobre seu site e, portanto, garantir que ele seja indexado mais rapidamente. No entanto, nunca houve nenhum anúncio do Google que dissesse que um sitemap XML melhora o SEO do site.

Utilize-o para garantir que todos os seus URLs sejam indexados, facilitando seu rastreamento. Isso pode melhorar a visibilidade do seu site a longo prazo. O plug-in do Google XML Sitemaps Generator, por exemplo, funciona muito bem com sites em WordPress.

  1. Com as pesquisas personalizadas do Google, não existe mais o primeiro do ranking

Não se deixe enganar por rumores. As diferenças entre resultados personalizados e resultados não personalizados são relativamente pequenas. A personalização significa que o rastreamento pode fornecer dados um pouco menos autoritativos do que antes. Mas de maneira alguma é o fim do SEO ou nos requer uma visão completamente nova das práticas de SEO.

Cuide bem do SEO do seu site

Fonte: Freepik

  1. Palavras-chave em comentários e tags de título fornecem o melhor do SEO

Os rankings não funcionam assim. Primeiramente porque as tags de comentário significam que o conteúdo está fora da visualização do Google para o cálculo de classificações. Além disso, os atributos dos títulos não fazem parte do SEO diretamente.

Veja também  O que é SEO: saiba mais sobre essa importante técnica

Esses são alguns dos principais mitos sobre SEO que vêm causando confusão entre os profissionais na hora de montar uma campanha de marketing digital. Mas existem muitos outros por aí que buscam desmerecer a prática.

O SEO não é uma ciência exata e, com o cenário digital mudando constantemente, não surpreende que falte muita informação para os usuários. Se você busca por um bom serviço de otimização de sites, a Agência IMMA é o lugar certo. Entre em contato e faça um orçamento.

Veja também

Rodrigo Darzi

Sobre Rodrigo Darzi

Pai de 2 filhos. Especialista em Marketing Digital. MBA em e-Business pela FGV. Formado em Administração de Empresas pelo IBMEC. Empreteco.

E-book de Mídias Sociais
A Agência IMMA preparou um material exclusivo para você começar entender como funciona a gestão de mídias sociais e como utilizá-las.

Insira o seu e-mail para receber o nosso e-book
QUERO MEU E-BOOK